Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TREPEI MINHA MULHER E ENTEADA NO NATAL

Click to Download this video!

Este ano recebi de natal um presente maravilhoso, sou casado com Marta uma morena linda de 1,67 de altura, olhos verdes, cabelos lisos, pernas grosas bem torneadas, uma bunda empinadinha de cintura de pilão, uma delicia sem igual na vizinhança, ela é 19 anos mais velha que eu, tem 33 anos e uma filha de 19 aninhos que é uma maravilha, um corpo se moldando, sabe aquelas adolescentes com peitinhos durinhos, bundinha empinadinha toda gostosinha, então essa é minha enteada, como estou a 2 anos com a Marta não tenho aquele vinculo de pai com a Luane, ainda bem.

Eu não dou folga a Marta, sempre que tem jeito estou trepando ela, um rabo delicioso como o dela merece rola toda hora, e ela gosta de levar ferro, de tudo quanto é jeito e lado, na semana antes do natal eu estava deitado no sofá, sozinho em casa a Luane tinha indo à casa de uma amiga dela, estava de calção apenas e acariciando meu pau pensando na hora em que a Marta iria chegar, estava doido pra dar umazinha e ela não demorou.

Quando ela chegou me viu de pau duro a sua espera e não se fez de desentendida ela sabia que ia levar ferro e gostava da idéia, perguntou pela Luane disse que ela estava na casa de uma de suas amigas, sozinhos em casa logo tirei sua roupa e pus ela de joelhos socando meu cacete em sua boca, ela adora chupar, uma boqueteira de mão cheia, pus ela sobre a mesa e comecei a chupar sua xota que já estava toda ensopada, enquanto chupava seu grelinho eu colocava o dedo em seu cuzinho. Ela começou a pedir minha rola em seu rabo e logo atendi seu pedido, ela estava deitada sobre a mesa com as pernas abertas, na posição de frango assado meti meu pau em seu cuzinho, ela gemia feito doida e eu fui fudendo ela revezando seu cuzinho e sua buceta suculenta.

Variamos as posições e sempre ela voraz fudendo minha rola, sem que a gente percebesse a Luane tinha voltado e caladinha ficou assistindo agente trepar, a Marta percebeu que ela estava assistindo antes de mim, mas não falou nada, depois de um tempo rebolando em meu pau ela se abaixou e falou bem no meu ouvido “a Luane esta atrás da porta assistindo você me fuder, acho que ela quer dar pra você também” fiquei surpreso ao ouvir o comentário, mas sem pensar disse a Marta pra convidar ela pra vir brincar com agente afinal de contas ela como mãe tinha que preparar a filha pra vida.

Ela chamou a Luane e disse “pode vir aqui filha, vou ensinar a você como agradar um seu padastro” a Luane ficou vermelha ao perceber que a gente sabia que ela estava ali assistindo, meio sem jeito ela veio pra onde agente estava, sua mãe saiu de meu cacete e perguntou se ela queria brincar com nás dois, ela disse que sim, a Marta perguntou pra ela se ela sabia o que fazer com uma rola e ela disse que não, a Marta então disse que iria ensinar ela a tratar uma rola como se deve.

E começou a lição da Marta, ela começou ensinando como mamar em um cacete e no inicio a Luane achou um pouco nojento mas como viu sua mãe se acabando chupando meu pau começou a chupar como a Marta mandava e logo pegou o jeito, sabe como dizem, filha de boqueteira boqueteira é, senti vontade de encher sua boquinha de porra, mas me segurei porque tinha muito pra ela aprender ainda e ela estava se revelando uma aluna aplicada, comecei a acariciar sua bucetinha ainda com uma pelugem rala, rosinha e sem nunca ter visto um cacete de perto.

Ela começou a ficar toda trêmula com as caricias que estava recebendo na xotinha de minha língua a Marta estava aprovando o tratamento que a filhinha estava recebendo e o tão esperado momento de descabaçar a ninfetinha chegou, sua bucetinha esta cevada pra ser fodida, a marta colocou ela deitada sobre a mesa e segurou sua mão, comecei a encostar meu pau em sua xaninha que se contraia de tesão e expectativa pra entrar na rola, meu pau estava duro feito aço a Luane estava deitada sobre a mesa com os joelhos dobrados sobre a barriguinha, sua bucetinha estava desprotegida, seu consolo era a Marta segurando sua mão e encorajando a aguentar o arrobamento que seria feito por meu cacete como dizia Marta minha rola linda de 22 centimetros.

Comecei a forçar a entrada, mas ela se contraiu toda de dor, a Marta e eu acalmamos ela dizendo que a dor seria sá no inicio depois ficaria gostoso, ela consentiu que eu forçasse de novo e eu não tive dá soquei minha rola ate o meio, a bichinha encheu o olho dÂ’água e deu um grito que acho que a rua inteira ouviu, sua mãe pois a mão em sua boca pra ela não gritar novamente e ela começou a pedir pra parar, pra eu tirar, mas apenas segurei ela pra ela não se mexer muito e machucar mais, ela foi se acalmando e eu comecei a bombar sua bucetinha devagarzinho pra ela ir se acostumando a rola.

Pensei que não iria conseguir fuder ela direito, mas ela aos poucos foi se entregando mais com os incentivos de Marta, fui fudendo seu rabinho com vontade e cuidado pra não estragar minha enteada na primeira vez, ela aguentou um terço da minha rola, depois de fuder seu rabinho gostoso por mais de quarenta minutos não resisti e enchi sua xaninha de porra, tanta que ela se assustou ao ver sua bucetinha toda fudida e escorrendo do jeito que estava, a Marta logo tranquilizou dizendo que era normal já que eu gozava feito um cavalo sempre.

As duas ficaram brincando com meu cacete dividindo ele entre suas bocas, a Luane pediu pra me ver socando ate o saco no rabo da Marta, atendemos seu pedido com muito prazer, depois pediu pra me ver fuder também o cuzinho da mãe que aceitou na hora o pedido da filha pra me ver socando tudo como se fosse na buceta depois de satisfeita em sua curiosidade olhou pra Marta segurando em meu cacete e prometeu me dar um tratamento igual com seu rabinho se a mãe deixasse, e ela claro disse sim ao pedido da filha e desde então estou trepando mãe e filha, juntas ou separadas, mas pra não faltar rola a nenhuma das duas trepo a Luane de dia e a Marta de noite e sempre que dá trepamos os três juntos, uma delicia minha família.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


gritando e pedindo pra nao botar pois doi pra nao perde o cabacocontos de pagando com ocúcondos erodicos con maesconto erótico as duasme tarandoContos erroticos com fotos eu e minha loirinha e um negro 32cm parte 2Contos de podolatriaconto transou com desconhecido na festa de rodeioacordei com apica do meu filho enfiada na minha bunda contos pornoEmpregadinha é virgem de cu e buceta conto eróticosentei na rola do padrinho contos eróticoshomens velho gay contostao novinha com doze anos mas adora cara mais velho contos eroticos bem putinhaEu olhava a bucetinha de melina e ficava loucofudeno a sobrinha que domiacontos trai meu marido com um cara do pau grandeoque falar quando um menino fala pra voce "quero lhe fuder"??eu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocontos eroticos mae obrigou eu da u cu para ganhar dinheiroconto de cabeleiro comendo o cu do novinho sem penaContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestocarlão socando ate as bolas no cu da vadiaporn contos eroticos casada se prostituindo para ajudar em casaconto ajudou cornoconto chicoteda na bucetacontos eroticos Itapetiningaprofessor nao aguenta e transa com o aluno gay-contoeroticogaycontos eroticos e tome gozada na caracontos de traicao anal,postados no facebookconto erotico amigo bebado mulher carenteamo ser rasgada fisting contocontos eroticos incesto fazendo minha filha gozar no meu paucache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos eroticos,abusada pelo avoporque cavalos tem pirocãocontos eroticos eu e meu padrastocontos erotico gay quando mim focarao a bebe leite de varioscontos eróticos com animais papada por um cãocottos. curmir minha enteada novinhacontos eróticos jogos de sedução mãe e filhohistoria erotica irmão dopa irmãmeu chefe comeu meu cu a força contoshttp://transei com meu primo da roça gay contos eroticosa primeira vez que comi meu amigoconto gay "agradece" machocontos eróticos professor japonêscontos de lesbianismo no acampamento de escoteirastoda raspada na praia de nudismo contoscontos eroticos sodomizado conto amo ser puta mulher 43 anoscontos eroticos fazendo o bico dos seios dando de mamarno parquinho contoscontos a devassa do analNua em publico pagando a aposta contos eroticoscontos cunhadas gostosasconto erótico com sete anos meu tio chupou mlnha bucetinhatransparente e coladinha bucetinhaContos eroticos a enfermeira que é fodida pelos medicosconto adorei pai me fez mulhermim mastrudo dia sou mulhe contoscontos porno esposas estuprados submissosconto erótico: isso nunca podia ter acontecido parte 1Travesti que dá de graça em bhconto erotico chantagieicontos recentes incestuosas encoxada segredos flagradosrelatos de um negao roludo me desvirginoucontos eróticos,ai ai fode meteconto cu esconde-escondecontos com mamaes vizinhastia dando o c****** virgem com sucuri na rola grande e grossaconto erotico minha esposa com o pateaocontos de rabos sendo dilaceradosfiseran eu comer minha sogra eminha conhada contocontos eróticos mulheres p****sexto de roupas sujas contos eroticos porno conto meu primeiroamorContos fui castradocontos encesto na praia de nudismovwr vidios de homem fundedo a bucetas da mulheresporno mobile sequioso animal com mulheresContos de comadres lesbicascontos erotico gay dei pro amigo do meu pai e comi a cachora dele sorfilamenininhas 10 aninhos fudendo contossexointerando pica cunhadafalei pro meu amigo que queria ver ele fodendo a minha esposaestrupando visinha desmaiada por remedios contosConto Meu Amor é um Traficante parte 3- Contos Do Prazercontos eroticos incesto tomei porra do meu cunhadoxvidiofodendo entisdaCasada leva marido bebado e o sogro fode a gostosa contoContos Meu pai dividiu minha buceta com seus amigoscontos eroticos de enteadascontos eroticos Minha namorada me contou como perdeu a virgindade com seu ex e fiquei exitadosou eteto mbte contosmeu filho me encoxaram a noite bunduda,xxvidios defisieticantos eróticos estrupada na frente da família econtos homem chupa rola ricardaoContos quanto o cu quentapapai.mamae e.rex contos.eroticos