Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUI COMIDA POR UM CAVALO

Click to Download this video!

Oi gente, meu nome é Sabrina, tenho 19 anos e sou do interior de São Paulo. Sou travesti iniciante, assumido e quero compartilhar com vocês uma coisa muito desagradável que aconteceu comigo semana passada. Marquei um encontro com um carinha, filhinho de papai com carro importado e muito dinheiro para gastar e achei que ele sabia que eu era travesti. No anúncio que coloquei no jornal prestando meus serviços, eu disse que era travesti. Jamais menti para ninguém sobre minha opção sexual.rn O cara me pegou no lugar combinado e me levou para um motel. Lá chegando, tomou todas e estava custando a falar. Depois de muito esperar, foi melhorando do fogo e foi logo me agarrando e beijando com toda brutalidade. Sou novinha, bonitinha, tenho um corpo muito certinho, 1,68 m de altura, morena clara, cabelos longos muito lisos e escuros, lábios carnudos, seios fartos e durinhos, uma cintura fininha, 98 cm de quadris, um bumbum empinadinho, malhadinho e carnudo e os lábios grossos e sensuais. Pareço uma mulher mesmo. A única coisa que eu não tenho de mulher é a vagina o resto sou uma mulher perfeita.rn Depois de me jogar com força na cama mandou que eu fizesse um boquete nele e mal comecei, já tinha gozado na minha boca. Achei aquilo estranho, mas como ele estava pagando, deixei rolar numa boa. Depois foi tirando minha roupa, mordeu e lambeu meus seios até ficarem doloridos e quando tirou minha calça e viu que eu não era mulher, me desferiu um tapa no rosto violentíssimo que cai de costas na cama sem conseguir levantar. rn Aos berros dizia que eu tinha feito de propásito para pegar o dinheiro dele, que ele estava ali para comer uma buceta e não sujar o pau com bosta de homem e coisas desse gênero. Tentei explicar que aquilo não era verdade e levei outro tapa do outro lado do rosto que voltei a cair na cama. Ele continuou me insultando de tudo quanto era jeito, disse que ia me arregaçar se eu contasse alguma coisa para os amigos dele e um mundo mais de asneiras. Humildemente, pedi desculpas e disse que ia embora e ele não precisava gastar o dinheiro com um cu sujo de bosta. Posso ser o que for, mas sou limpinha e jamais cliente nenhum reclamou da minha higiene.rn Depois de acalmar um pouco, mandou que eu tirasse o resto da roupa que ia transar comigo assim mesmo e não importava com o dinheiro. Fiz o que ele mandou e fiquei esperando pedir os serviços que ele desejasse, estava disposta a cumprir com as minhas obrigações.rn Sem paciência nenhuma, mandou que eu ficasse de quatro na cama, porque viado dá é o cu de quatro e sem preservativo sem nada deu umas estocadas no meu ânus que não estava lubrificado e sendo nova na profissão, senti uma dor insuportável, mas não podia reclamar de nada para não deixar ele mais nervoso.rn Mesmos sem o pênis entrar direito, gozou na minha bunda e com o esperma ele lubrificou o pênis e me penetrou pela segunda vez, desta vez com toda vontade e ádio que sentia. Estocava meu ânus com força que eu sentia muitas dores apesar de estar mais lubrificado do que a primeira vez. Gozou pela segunda vez e ao tirar o pênis no meu ânus mandou que eu chupasse até tirar o cheiro de bosta que tinha ficado. Como sabia que estava tudo limpo, fiz o que ele pediu e fui para o banheiro me trocar. Estava humilhada e desprezada naquele quarto e preferia ir embora a sujeitar aquele animal falando da minha higiene. rn Ao ver que eu estava saindo, me pegou pelos cabelos me jogando com força na cama e dizendo que não tinha terminado. Apesar de ser um traveco, eu tinha a bunda mais gostosa do que muitas mulheres que ele tinha comido. Voltou a me mandar ficar de quatro e desta vez fez com calma e gozou como queria aproveitando o meu físico que não perdia nada por mulher nenhuma.rn No final, pediu desculpas pela estupidez, alegou que estava bêbado e não sabia o que estava dizendo, me pagou dobrado pelos serviços e me convidou para voltar no dia seguinte sábrio e fazer novamente. Dei meu cartão para ele me ligar e combinar, vesti a roupa e quando estava saindo do quarto ele disse: ?boneca, sabia que essa sua bunda dá de 19 no rabo fedorento da minha namorada?? eu concordei com um gesto de cabeça, despedi e sai. Mesmo pagando o triplo, como este nunca mais.rn rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


cache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html senhor chicao foi meu primeiro macho contodeixei meu sobrinho me ver nua contoscontos eroticos dividindo a namorada com um estranhoconto na festa aqui em casa meu primo comeu minha maeVidio de bucetas emchadas napica grosacontos gays/sendo chantageado e levando ferro a forçacontos eroticos da iniciacao gaycontos encoxaram mamaecontos eróticos casal ônibusContos eroticos de pau na buceta e gozada dentroConto erótico na casa do tio tarantodando o cu contos eróticoscontos eroticos de enteadasContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestocomi minha cunhada fabiana - contos eroticosconto de encesto meu pai ficou empotentemeu pai corno do outro cara contocontos de corno acampandocasa dos contos eróticos jogo seduçãoContos eroticos eu cheguei arrombada em casacontos eróticos minha tia min da banhopordinheirocontosSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos eróticos nerdsTenho 103 cm de bunda.conto eróticotoda loira gosta de um negão contos eroticoscuzinho da zildaconto erodico 5 amigos me fuderaocontos eróticos filha putinhaconto erotico chaves comendo cu da bruxa do 71eu so uma muher casada eu dei minha calcinha pro meu cunhado bater uma pensando em mimcontos eróticos vestido de langeriesnoite maravilhosa com a cunhada casada contosmeu amigo chantagia minha mãe. conto eroticocontos eroticos bostaespiando o.vizinho contos eroticoscontos exitantes de aline bebada com varioscontos bater varias punhetas seguidas zoofilia com gozadas e enguatesContos eróticos de cornocom negão dotadosporno aniverssrio do sobrinho a tia fudet com elecomtoerotico.com/arrobamdo as pregas da novinhaAcordei com o pau dentro da minha bucetafui pintar a casa da minha cunhada com ela e minha esposa e o marido dela cantos eroticosminha namoradinha me provocou pra fuder brasilsexo contos eroticos na ilhaMeu cunhado me fodeu forsado contocomi a mulher estrupada do traficante contos eroticoContos eroticos filha rabudatia sentar no colo do sobrinho no carro histórias eróticos completocontosincestofilhacontos de coroa com novinhoviuva ecitada ver filho tomando banho e da pra elemelequei a bucetacomi a baba confesso contolua de mel da esposa do corno e o amante contosContos eroticos de podolatria com fotos chupar pes de primaspornor contos e videos liberei o cu virgem para meu irmaoTennis zelenograd contocontos eroticos gay infanciaPerdi meu cabaco o com meu pai e arrobadocontos eroticos porno gay mijo amarelodei minha buceta pra pagar os pedreirosdois gay fudendo violentamentw/entre siconto erotico sou viado e vendi meu cugozoo na bucetakfoi da aboceta vije e a romboproposta indecente de colega porno de trabalho a casadatextos viadinhos estrupados gozada boquinhacontos eroticos gay meu dono brutalhomen em purra seus ovos no cu de brunacontos erótico de estupro em boatesContos eroticos de mesticasgožano na buceta da irmancontos eróticos chupa mulher sem saber que ela esta com porraSexo gay cinebolsocontos eróticos meu segredofudedo a tia bombadacontos eroticos traicao/corno namorada viciada em jeba no cupapai traindo mamae comigo contos eroticos  Minha vontade era de explodir de tesão quando ela me perguntou isso. Mas me controlei e falei só que sim, que pensava muito nela!! Aí foi meio automático, a gente já estava bem próxima mesmo. Ela se aproximou, eu me aproximei. Não sei bem quem tomou a iniciativa, mas o nosso primeiro beijo rolou ali mesmo. Foi maravilhoso. A lí