Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PAU ACIMENTADO

Click to Download this video!

Olá para todos, meu nome é Janete.

Eu tenho um vizinho que se chama Pedro, o seu apelido é Pedrocão. Um dia meu fogão intupiu, eu estava solteira e estava sozinha em casa, resolvi ir na casa dele pedir para ele desentupir o fogão para mim. Toquei a campainha mais ninguém abriu a porta, esperei uns 2 minutos, achei então que ele não estava em casa, quando estava saindo da porta de sua casa ele abriu a porta com sá a cabeça para fora pedindo desculpas, disse que estava tomando banho e não ouviu a campainha, eu cheguei mais perto e percebi que ele estava sem roupa porisso estava sá com a cabeça para fora, ele perguntou oque eu estava querendo, eu disse que meu fogão tinha intupido e para ele vir dar uma "olhada" para mim e ver se consegue arruma-lo, ele me disse para esperar um pouco que ele iria colocar uma roupa, assim que ele deu uma afastada para fechar a porta eu consegui ver uma coisa muito grande, parecia um pinto, mas era muito grande intão deduzi que eu tinha visto errado, era apenas o braço dele.

Logo ele saiu de sua casa todo bem vestido e foi comigo até em casa, chegando lá, apresentei o fogão para ele, ele olhou e pegou um palito de dente e começou a limpar os buraquinhos intupidos do fogão. Enquanto ele arrumava o fogão eu ficava olhando para a bunda enorme dele, e logo percebi que ele olhava para meus peitões disfarçadamente, para provoca-lo resolvi falar que estava calor e que iria trocar de roupa, fui para o quarto e coloquei o meu top mais decotado. Quando cheguei na cozinha, ele viu o top e ficou até atordoado de tanto tesão, ele virou para mim e disse que belos seios você tem e soltou um rosnado grrrrr...

Eu fiquei louca de tesão, para retribuir o favor, disse que ele tinha uma bela bunda. Ele chegou perto de mim e disse para mim que se eu queria ver mais da bela bunda dele, eu fiquei meio envergonhada mais disse que sim. No mesmo momento ele tirou meu top, fazendo saltar meus belos seios, e começou a chupalos e mamalos, eu gemia cada veiz mais alto. Eu achei melhor irmos para a cama e ele concordou, chegando lá ele abaixou a calça e a cueca, eu não acreditei no tamanho do pinto dele, parecia um braço, estava com manchas de tintas e tinha umas pedras de cimento. Eu perguntei porque estava com manchas de tintas e pedras de cimento, ele me disse que era porque ele estava fazendo uma reforma na casa dele e que gostava de pintar e rebocar nú, eu fiquei surpreso, sá ai que fui descubrir porque do apelido Pedroção. Eu cai na cama e tirei minha calça e minha calcinha, porque eu estava louca para testar aquele "braço" (pinto) sujo de tinta e com pedras de cimento em minha buceta e meu cú. Ele colocou a camisinha que estava em seu bolso da calça que estava no chão, e ele subiu na cama e enfiou o "braço" (pinto) dele em minha buceta, não sei como ela comportou aquele negácio estrondoso, e logo ele começou a meter muito depressa, cada veiz mais rápido e estava entrando cada veiz mais aquele negácio gigante dentro de mim, eu estava ficando toda arrebentada estava até sentido muita dor, mais quando eu olhava para aquilo entrando em mim a dor se saciava, eu não acreditava que aquilo tudo estava dentro de mim, logo ele deu uma gozada que lavou toda a camisinha, sentia uma coisa quente dentro de mim e eu começei a gozar também, nunca tinha gozado tanto, estava gozando e sentido dor, logo ele tirou tudo aquilo de dentro de mim, minha buceta estava com um buraco enorme, ai ele virou-se e disse agora é a vez do cuzinho, eu fiquei disisperada, pois nunca tinha feito sexo anal, mas resisti e dexei ele começar a enfiar aquilo dentro de mim, com os dedos ele abriu bem meu cúm, e com o espaço que deu para abrir, ele enfiou sá a pontinha do pau dele e logo foi enfiando tudo, eu sentia meu cú sendo dilacerado, nunca tinha feito sexo anal, eu estava sem lubrificante, começei a sentir muita dor e começei a chorar, mas não parei, e ele disse agora você vai chorar de verdade, com um movimento brusco ele foi enfiando rápidamente o pau dele dentro de mim e eu gritando e chorando, ele sá parou quando o saco dele encostou em meu cú, eu jah estava sentido tonturas, ele teve dá de mim e tirou o pau dele, saiu muito sangue, o pau dele estava todo ensanguentado a cama também. Logo ele se dispidiu, vestiu sua roupa e foi embora, e eu fiquei toda dilacerada na cama, mas ainda vou repitir muito a experiência.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto eróticos duas lésbicas me estruparaoconto erótico gay brincandovídeo homem batendo punheta na primeira ele gozou pouco e continuo batendo punheta ate gozarmaisvoyeur de esposa conto eroticocontos gay eroticos infanciaconto cavala loca por sexoconto mamo rolaporno meu marido me levou no swing so para ver outro gozar na minha bucetacontos eroticos gay traficantecontos eróticos porra escorrendo coloco papel higiênico na calcinhaconto escrito ese ano cavalono nuacontos eroticos de humilhaçãoMimha coroa so usa calcinhas pequeninas contosconto erótico dominando prima mais velha zoio filme antigo erótico animalescocontos eroticos meu alunominhaxaninhaardeuconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuConto erótico Sempre fui mas ele descobriuCarinhos do papai no banco de trás do carro contos eróticos o meu pai estava no terro me fodeucache:7Bn8n8HDPyEJ:https://spbgau-kf.ru/mobile/conto_24394_amigo-gay-ensinando-esposa-a-dar-o-cu--parte-3.html contos eroticos dando cu pro filhoconto de Esposa que traiu o marido e confesso para eleincesto reais irmão tirando virgindade de irmã pequena em van escolarConto erotico advogada enrabadacontos eroticos vi minha esposa me traindocontosna pica do papaiDesvirginando a subrinha de 18 anosconto erotico dogCaminhoneiro machão pauzudo e fudedor conto eróticoConto de machos arregacando os buracos da putaconto o inimigo do meu pai me comeu Conto erotico dei pro meu papai e tiocontos eroticos ele me me bolinoucontos fui chupada pelo velhomostra como fuder bem gostoso e a pica entrendao na bucetacontos de incestos e surubas com minha irma e minha mulher nudismo na piscinacontos eróticos de bebados e drogados gaysconto erótico enteada querendo dar po padrastogay mamando pirralhos contosconto erotico de filho pau de cavaloporno contos eróticos eu ea minha esposacontos quero ser corno secretocontos eróticos de incertos mãe curiosa fraga o filho peladotocando punheta no maracanacontos eroticos "sou casada" "me respeite"lobo mau me comeu contos eróticosvesse o pau enorme de tro da gargantacontos vários homens abusaram da minha mulhermarido fas esposa virar puta e comer bota contos eroticosconto erotico marido convida amigo pra casa e nao tira olho das calcinha da esposa do varalcontos enfiei tudo a minha picona nele e ele reclamou muitoconto casada na academiasarrando na pica com short cavadoconto sexo de dominadoresela olhou e coxou a xoxotaconto erotico meu cachorro me fodeboafoda foi dormi com colega tomo feromeu amigo falou que quer comerminha esposapornô de Juazeiro meninas gostosinhas na realidade lado da cidade de Juazeiro da Bahiaconto marido corno vendo daniela fyder com negaocontos meu cunhado é corninhofui dormir na casa do meu primo e ele acordou de pau duroconto erotico esposa sendo duplamente penetradasonhar com a mulher tranzndo com outroconto monte de calcinhas sem lavarcomo e o nome dos beisinhos da bucetaver tdos as calcinhas fio dental qom bomum empinadmulheres rasgando a buceta pra fonderpornô com magrinha dos peitinho duro e c****** empinado