Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

REBOLANLO TODA AMARRADA NUM PAUZÃO

Click to Download this video!

Sou uma mulher comum com meus 22 aninhos e cheia de curiosidade pela vida, principalmente curiosidade por sexo e maneiras mais gostosas e excitantes de aproveitar cada possibilidade. Há muito tempo eu e meu namorado conversávamos sobre transar um pouco sadomasoquista, ele sempre disse que queria que eu o amarrasse bem forte, braços e pernas e com uma mordaça na boca pra eu aproveitar bastante dele, isso me excita bastante... fico molhadinha sá de imaginar aquele macho gostoso a minha disposição pra eu usar como quiser... Bom... há alguns dias nás combinamos de sair juntos e ir a um motel que adoramos, nesse motel existe uma suite com area externa, onde fica a banheira e a sauna, onde nás já transamos deliciosamente, ele metendo seu pauzão enorme todinho na minha buceta de ladinho, e eu arreganhava bem as pernas pra ele meter com toda liberdade. Antes de ir ao motel ele disse que tinha uma surpresa pra mim, mas não me disse o que era, sá falou que me mostraria quando chegasse lá. Minha imaginação foi a mil, imaginei varias coisas, cheguei até a imaginar aquelas amarras de couro com correntes, chicote, videos pornos, gel lubrificante especial... nossa fiquei louca sá imaginando. Quando chegamos ao motel tomamos algo pra relaxar e estimular o tesão, ele foi ao banheiro e eu comecei a tirar a roupa ficando de calcinha e sutiã, quando ele apareceu perguntou: ah decidiu ficar nua sua safada? E eu respondi bem sem vergonha: claro vc odeia roupas! Hahahhah... me vendo sem roupa ele já ficou com a rola dura, podia ver o volume se formando de uma forma assustadoramente rapida debaixo da bermuda. Ele com uma cara de sacana trouxe um embrulho e falou: ta aí pra gente realizar nosso maior desejo! Quando eu abri o embrulho e vi o que era senti logo o melzinho escorrendo da minha xoxota. Eram as tais amarras com correntes... a primeira providencia do meu Dono foi vestir a coleirinha em mim e ficar segurando a corrente enquanto eu beijava seu peito, lambia seu pescoço, chupava a pontinha da orelha dele, deixando ele arrepiado, podia sentir o tesão dele de está ali me dominando como uma cachorrinha. Enquanto dava um beijo cheio de tesão massageava aquele monumento de pênis que eu já estava louca pra sentir na minha boca, mas sá poderia mamar naquele cacete quando meu dono permitisse! Baixei o short dele e ele puxou a corrente pra baixo me deixando lamber seu pau e eu chupei, lambi com vontade, forçava minha cabeça contra seu pau me puxando com a coleira deslizando seu caralho até minha garganta. Fiquei assim chupando meu Dono durante um tempo até que ele amarrou meus braços pra tras e minhas pernas e me pos de quatro olhando de pertinho a rola dele durissima não resisti e voltei a chupar seu pau, mas assim eu não podia segurar sua rola com a mão tendo que ser muito habilidosa pra segurar o pau sá com a boca... o que eu fiz até com certa facilidade, lambia o saco e subia pelo cacete até chegar na cabecinha e lambia, fazia movimentos circulares com a lingua naquela cabeça rosada, macia e gostosa, Meu gostoso me falava: vc me chupando assim é delicioso, pegando meu pau sá com a boca! Sá sendo muito safada pra conseguir chupar assim... eu sá dizia: eu adoro chupar meu macho gostoso, lambo seu pau todo com vontade... ahhhhhh meu macho como seu pau é gostoso deixa eu mamar nele a noite toda... Meu dono me puxou com a coleira e me colocou de lado e me penetrou por tras, mesmo com bucetinha escorrendo senti uma dorzinha gostosa quando a cabeça me invadiu. A penetraçao parecia não terminar nunca, aquele cacete enorme sendo atolado inteiro na minha buceta era uma sensação deliciosa, comecei a rebolar minha bucetinha naquele pau, vez por outra ele ta uma penetrada mais profunda que me dava muito mais tesão pq batia no meu utero, eu rebolei muito até começa a sentir os calafrios que antecedem uma boa goazada... aaaahhhhhh.... isso meu dono.... faz tua escravinha gozar assim toda amarradinha com a buceta a sua desposiçao mete ahhhhhh mete que eu vou gozar.... e gozei! Gozei deliciosamente com um caralho de verdade completamente atolado na minha buceta. Meu zonza ainda do gozo meu Dono me virou de costa e comeu durante um tempo minha buceta nessa posiçao enfiando seu pau até o saco bater na minha buceta e a cabeça encostar no meu utero me fazendo gozar novamente. Depois de eu gozar gostoso ele tirou o pau da minha xoxota e ficou esfregando no melzinho que saia da minha buceta cheia de tesão, pensei que ele estava me torturando... provocando minha bucetinha pra me deixar louca, eu esperava aquele pau na minha buceta, mas derrepente aquela rola enorme, dura e quente entrou no meu cu me rasgando deliciosamente... Aiiiiii amor... que gostoso voce fudendo meu cuzinho assim, to toda amarradinha pra vc com meu cu e minha buceta sá pra vc fuder!!!! Ele comeu muito perdi a noção do tempo e de quantas vezes gozei naquele pau. Depois disso foi a vez dele ser amarrado... amarrei numa cadeira braço pra tras, e as pernas amarradinhas, ai eu sentei com o cuzinho no mastro do meu macho! Agora eu estava no comando e sententei... cavalguei gostoso entocando aquela mastro todinho no meu cu, cada entocada eu me arrepiada inteira dentindo meu cuzinho todo arreganhado, ardido de tanto fuder com meu macho... Virei de frente pra ele apoiei uma das pernas na cadeira e sentei no pau dele engulindo todinho com meu cu e cavalguei.... Amor eu quero que vc goze bem gostoso no meu cuzinho, quero que vc encha meu cuzinho com sua porra quebtinha... eu queria sentir aquele leitinho quente, cremoso escorrer do meu buraquinho pelas pernas, aumente a velocidade e comecei a rebolar meu cú no cacete dele ate que ouvir seus gemidos e a pulsaçao do seu pau anunciando que meu presentinho estava proximo... ele gozou gosotoso, encheu meu cuzinho com seu leitinho hummmmmmmmmmmmm delicioso. Depois fomos para o chuveiro e em seguida pra banheira qnd olhamos a hora vimos que passamos 3hs inteira transando sem parar nenhum segundo... hheheheheh poderiamos fazer filmes pornos hhahahahahahahaha...



Acessem meu blog http:jackejill.zip.net

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


coxas grossas e b***** bem rosadinhacon erotico comi lora greluda por 10 pilaMinha noiva exibida e gostosa na academia - Contos Eróticoscontos eroticos de vovoTennis zelenograd contonao contive quando minha vizinha passou a bunda em mim contosmandou fotos nua e recebeu chantagempai e filinha pequen q deixa pai come ela contosEnsinando minha soblinha bunda grande a andar de carro contoconto erotico mulher gostosa trai marido com um delegadocontos eróticos f****** a cunhadinha pequenininhacasado contos eróticostrai meu marido na hora do futebol dos contosconto amante do manoContos de incesto menina pequena com medo da chuvatravesti bombom contos eróticosbeijo no umbigo contoscontos eróticos de bebados e drogados gaysconto erotico de o amigo de meu namorado me comeu na casa dele e ele nao viubucetad em transeGozar nos pés contominha esposa levou sua tia vagabunda para a nossa cama contos eroticosConto erotico amo decotessobiu no cu delacontos eróticos [email protected]Nao aguéntei e meti o dedo no cu da minha irma no bisao contocontos eroticos do filho foi da banho na mamae e ficou de pinto durocontosrotico cuzinho da lorinha casadaContos eroticos filha rabudaconto estrupando o cu da menininha novinhafechou o olhos da namorada amigo estrupou pornodrixando a mulher do corno arregassadinhaSogro gay conto eroticoConto etotico senhora sogracontos fudendo minhas primas peitudasnoite maravilhosa com a cunhada casada contoscontos minha filha olhou em dandocontos eróticos mauricinho dá o cu pra passar em provacontos eróticos de sexo na infânciavideos de pau ficqndo ficando durocontos eroticos comi a repositora do mercadocontos esposa bundaamigo do meu marido dano de bom frenre dele e mim chatagiado contos eroticoconto erotico gay meu irmão me comeucontos eroticos tomei uma surra de rolascontos de putinhas casadaContos negro fode maridoconto erotico Conto de um corno manso da Mãe e Filha IISou casada mas bebi porro de outra cara contosconto erotico tira a roupa revólverchifre melado contosconto erótico o Enfermeiro da rola de jumentocontos erótico vovo me arrombandonomuleke soca seu pirocao na gostosa no onibusporno marido da vizinha foi viajar e fui pozar na casa delanegao pegando a velha no mato conto eróticogay conto erotico taradao num cuzinho masculo de seis aninhosquero ver um vídeo de graça de graça rouba pica bem grossa dentro da b***** entrando bem devagarzinho b************titi do cu apertado emnContos eroticos da lele alessadraconto enquanto meu tio me come minha mae me chupa e chingavem mama minha benga seus viadofazer sexo sem amor gostoso meterolabumbum arribitado na rolaxoxota as infinitascontos gay favelacrossdressing miudinhafudeno a amanda e nanda duas gostosinha mobilecontos eróticos de pequenininhos dando para grandõesgays alisando os sCoscontos eroticos com orgia de cdzinhasquero o pauzão dele no meu cu amor agora fica olhando contosprima nao ve irmaeu crave escontido fodaarrombando o cu da luzia contosvideosIncestochupandocontos eroticos de gordinha encontrando com negaõ no motel pra perder o cabaço do rabocontos eroticos meu sobrinhoxvidio amaciando a esposaconto erótico mulher saia curta abusadaquero seducir minha sogar para fudelacoroas defloração relatoQuero um homem ora mamar no meu peitocontos punheta filho sobrinhocontos meu vaqueiro me comeu na marracontos eróticos transei com minha sogra com ela dormindoconto erotico comvidando visinha pra fuderela engolia meu pau e colocava o dedo no meu cuq p* gostoso ham hambem o qye vou contar pra voces e o seguinte sou casado e minha esposa e loiracasa dos contos eróticos mulher deflorada pelo tiocontos eroticos timidas coroasúltimo contos anal de sobrinhacontos eroticos meu padastro mim estropo no onibuscontos porno novinha ingenua achando que ia brincarchupar mulher elaelexconto amor meu amigo me encheu de porra