Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PULANDO O MURO DA VIZINHA

Click to Download this video!

Olá me chamo Fernando, sou moreno, 1,70m, 80 kg muito bem distribuídos e uma ferramenta de dar inveja a muitos homens, moro em Tanabi, uma cidadezinha do interior paulista, a minha vizinha se chama Célia, uma morena muito gostosa, 1,80m, 65kg, seios de médios para pequenos, mais um bunda que parece não ter fim, muito grande mesmo, e um par de coxas maravilhosos, mais vamos ao que interessa.

Isso aconteceu em março de 2005, Célia sempre teve fama de ser a maior vagabunda, e isso me despertou o maior interesse nela, pois eu amos mulher vagabunda daquelas que topam tudo na cama, e assim eu comecei a me aproximar dela, todo lugar que eu a encontrava eu sempre parava para bater aquele papo de um bom vizinho, mais sempre com segundas intenções, e sempre jogavas varias indiretas nela alias, eram diretas mesmo, sempre falava que achava ela maravilhosa, que tinha o maior tesão por ela ate que comecei a perceber que ela estava gostando, e quando eu percebi isso ai não perdi tempo, parti para o ataque mesmo. Certo dia o seu marido tinha viajado devido ao seu trabalho, então eu liguei para ela e disse que desse dia não podia passar, ela deu varias desculpas chegou ate a dizer sua filha iria dormir na casa dela naquela noite, mais como um bom tarado de plantão fiquei vigiando para ver se alguém iria dormir com ela mesmo, dito e feito aconteceu o que eu esperava mesmo, a filha não apareceu, então resolvi cometer a maior loucura da minha vida, fui até a casa dela e pulei o muro, ao entrar percebi q ela ainda estava acordada, mais ainda sim ouvi uns gemidos vindos de dentro da sua casa, confesso que cheguei a pensar em voltar atrás, mais o tesão foi mais forte e ali mesmo fiquei, para minha surpresa, ela estava sozinha, mais estava se masturbando, ela mesma me confessou que estava fazendo aquilo pensando em mim, voltando ao ponto.... Bati na sua porta e chamei pelo seu nome, ela saiu apenas com uma pequena calcinha e um minúsculo sutiã, nem esperei que ela falasse algo apenas parti pra cima e deu o primeiro beijo em sua boca que foi muito bem retribuído, nossa que beijo foi aquele, parecia que éramos amantes há vários anos, então ela resolveu participar também, colocando a mão por dentro da minha calça, do mesmo jeito que ela colocou a mão na minha ferramenta ela tirou, devido ao susto que ela levou, pois como disse antes tenho uma ferramenta de dar inveja a muitos homens (23x10) na hora ela até disse, o que é isso menino???? Que monstro, ai já comecei a tirar logo a minha roupa e ela sem perder tempo caiu de boca nele, nossa que chupeta foi aquela, uma delicia, quase gozei ali mesmo dentro da boquinha dela, mais não podia ainda, a noite estava apenas começando, mudamos de posição e eu comecei a chupar aquela boceta carnuda, que boceta grande ela tem, me deliciei, chupei como se fosse um sorvete, não queria mais parar, até que senti as pernas dela tremendo, ela gozou tanto que o seu práprio gozo escorria pelas suas pernas, q delicia de leitinho ela começou a implorar para que metesse o meu pau bem gostoso na sua xoxota, e sem perder tempo foi o que eu fiz, coloquei ela de quatro e meti sem dá de uma sá vez, que delicia meti mais meti muito gostoso, aumentando cada vez mais o ritmo das estocadas, fodemos em varias posições em pé, papai mamãe, de ladinho, de todas as formas que se pode imaginar, que noite foi aquela, derrepente ela mesmo me pede, me fode o cuzinho, vai mete logo esse pau gostoso no meu rabinho que eu não estou aguentando de tanto tesão, mete logo, como um bom amante fiz justamente o que ela mandou, meti no cu dela com muito gosto, que buraquinho delicioso, dei algumas estocadas e não aguentei anunciei o gozo, ela pulou e mamou no meu pau como se fosse um bezerrinho mamando, nossa gozei muito na boquinha dela, gozei tanto que ela chegou a engasgar, que maravilha, ela limpou toda porra que tinha no meu pau, tomamos um banho, demos mais algumas trepadas durante a noite e quando amanheceu eu pulei o muro e voltei para minha casa................................... Fodemos por mais ou menos um ano e meio, até hoje quando da a gente combina uma nova trepada, teve um dia que nos transamos dentro do ônibus que eu vou para faculdade, mais ai já é outra historia...........

Você mulher casada que se interessou pelo meu conto me escreva, quem podemos realizar algumas fantasias!!!!!!!!!!!



Me adicionem em seus msn.... [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


www.conto eu vi o pedreiro mijandoconto erotico de gravida com consoloPorno contos familias incestuosas orgias tradicionaiscontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigoContos eroticos sou homem mas nao resistir o pau de meu chefecontos erótico sexo purocontos de sentadinha com o cuzinhosempre fui safadinha contos metendo na irmã dormindo boa f***contos eroticos estourando a bucetinha minusculaContos eróticos: boquete quando pequenacom mulher alguma gozei ele futebol conto gaypapai voce me acha bonita contos eroticosContos heréticos quadrinhos Barneyconto esposa exibicionista sensual pra molekver contos erótico encesto meu peitos são enormes meu marido gosta de mostra em lugar públicohomem rasga cu de garotinho contoseu disse pra minha cunhada casada eu dou esse dinheiro pra você ser você for comigo pro motel conto eróticocontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelcomtos etotico meus.amigos comeram.minha maemeu pai me castigou me comendi econtocontos eroticos adolecete nao aguentei 26cm de picainterracial mulher meia cousa fudendoconto erotico safadesa no cinema com travesticontos er peitinhos em formaçaocontos eroticos domia ele cospi nu meu cucontos eróticos Eu e mamãe pelados em casafui encoxadaconto erotico pensei q era mulherContos eroticos flagrei minha mae a fazer boquete no molequecontos gay tetinhas gordinhaContos minha doce sobrinha melcontos erotico dei o cucontos eróticos no elevadorchupei a rola do meu primo de onze anos :contos eróticoscontoseroticossandyconto erotico atres d casada mg motelProvoquei meu tio foi dormir totalmente nua d pernas abertas na sua camaconto guei fingi dormi emeu primo enfiou o pau na minha bocaconto erotico irmão mais novo machocontos eroticos peguei minha traindo meu no depósitocontos de sobrinhas sem calcinha na igreja sentada no colo do tioconto gay nasci pra ser putacontos eroticos de meninas novinhas adolecentes transando com homens maduros e bem dotadosconto minha mostroucontos eróticos primos amantescontos eroticos menininhamassagista f****** a filha e o pai delafiz a minha tia mijar na minha cara contos eroticossimpatia comer cunhadafotos e contos de comadres dando cucontos eróticos um casal transando na sala enquanto os pais tiram um cochiloConto erotico enteadaContos me comeram e meu marido nao sabebucetas ticos grelosconto erótico estuprada usando mini saiaeu e mamae no carnaval do rio fudemos gostoso Cris devassa. contos eroticosconto enrabando a sogra mandonameu cu aberto e ardido de picabaxinha no hotel com namoradocontos eroticos dupla penetraçãocontos erotico a casada virou minha femeazinhaconto erotico comendo a bunda da minha irma casadaOsdesenho fam fudendo com tudocontos comi minhas filhasdei minha buceta pra pagar os pedreiroshomem levanta saia loira come cu tremeContos, Armaram pra mim pra cumerem a minha mulhercontos eróticos minha esposa ficou pelada na frente do sobrinhoContos eroticos cofrinho pique escondecontos comendo mulher do amigo meia noitecontos eroticos querendo uma rapidinhaContos eróticos - papi me da sua rolacontos erotico dono de sitio meti com a esposa dos empregadoconto erótico assediaram minha mulher na rua