Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

KIARA - TUDO NA BUCETINHA CABACINHO

Click to Download this video!

Durante todos os meus 12, 19 e 19 anos, eu e meu primo ficamos sá fazendo sexo oral e também começamos a namorar escondido de nossos pais, pois seria algo muito difícil deles entenderem os nossos sentimentos. Quando eu já estava na sétima série é que começamos a namorar, eu já tinha um corpo bem definido e torneado, meus seios já estavam bem suculentos, minha boca bem carnuda, minhas coxas grossas e charmosas e minha buceta toda cabeludinha com os lábios bem carnudos e bem molhadinha de tesão.



O meu primo presenciou cada transformação do meu corpo, cada centímetro que crescia o meu peitinho ele observava e me dizia que a cada dia eu ficava mais tesuda, ele viu ao longo do tempo crescer cada pelinho da minha buceta e me dizia: “Kiara, a cada dia que passa a sua buceta está se preparando para engolir o meu pau todinho, igual você hoje faz com a sua boquinha linda e gostosa, quando a sua buceta estiver pronta e toda peludinha, eu irei tirar o seu cabacinho com todo cuidado e com todo tesão que sinto por você!” eu sempre dizia para ele: “Priminho gostoso, não vejo a hora desse dia chegar, a cada dia me sinto mais sua e fico mais tarada pelo seu pau suculento e gostoso. Enquanto esse dia não chega, coloca esse seu cacete bem duro na minha boca e me deixa beber toda a sua porra!”, e logo que eu falava ele já vinha com o pau bem duro e eu abria a minha boca para engolir aquele cacete todinho e esperar até sair toda a porra quentinha, deixando a minha boca o tempo todo com o gostinho delicioso que o pau dele tem, logo que ele gozava eu já deitava na minha cama e ele vinha chupar cada pedacinho do meu corpo, começando pela minha boca que estava com gostinho da porra que ele me deu para beber, logo ele ficava chupando bem gostoso cada centímetro dos meus peitinhos e depois ficava horas mamando a minha buceta e me fazendo sempre gozar bem gostoso na boca dele, assim ficamos durante 3 anos, sá curtindo as delícias do sexo oral.



Quando completei 19 anos, estava cursando o 1ª ano do 2ª grau e ele como sempre me ajudando nos meus estudos. Em um belo dia à tarde em minha casa, estávamos fazendo sexo oral e ele me chupando gostoso e logo que eu gozei ele me disse: “Kiara, a sua buceta já está prontinha para engolir o meu pau bem gostoso, se prepara para amanhã depois da aula, irá acontecer o que tanto estamos esperando”, fiquei louca quando ele me disse e super ansiosa para chegar logo o práximo dia. Neste dia nem conseguimos fazer aula, assim que ele chegou em minha casa e viu que eu já estava sozinha, foi logo me dando um beijo bem gostoso e me despindo toda, me deixando na sala mesmo todinha nuazinha, peguei as minhas roupas espalhadas pelo chão e ele me pegou no colo levando-me para o meu quarto, chegando lá ele me chupou bem gostoso até eu gozar na boca dele e fui despindo ele com o pau dele todinho na minha boca, já estava louca de ansiedade de ter aquele pau delicioso varando a minha xoxotinha, num dado momento ele tirou o cacete da minha boca e tirou do bolso de sua calça um envelope de camisinha e disse: “Vou te ensinar a colocar uma camisinha, assim poderei gozar dentro da sua buceta sem nenhum perigo”, e foi me dizendo: “Assim que o pau estiver bem duro, você coloca a camisinha na cabeça do pau e vai desenrolando ao longo de todo o pau, até ela ficar certinha”, fui fazendo como ele me ensinou e aos poucos fui colocando a camisinha no pau dele, e quando já estava toda colocada, eu perguntei: “E essa folguinha que está aqui na cabecinha?”, ele me respondeu: “Aí será o lugar onde irá ficar toda a porra que irá sair do meu pau quando eu estiver gozando dentro da sua buceta”, logo que ele me explicou do funcionamento da camisinha, ele preferiu que a minha primeira penetração fosse comigo por cima para que eu possa ir controlando cada centímetro que for entrando dentro de mim, pensei comigo: “Meu primo pensou em tudo!”, logo ele deitou na minha cama e colocou o pau bem duro apontando para o teto do quarto, subi na cama e me posicionei bem em cima daquele cacete gostoso e com as pernas bem abertas e com o meu primo segurando o meu bumbum, eu fui descendo bem devagar até encostar o início da cabeça do pau dele entre os lábios da minha buceta, fui descendo um pouco mais e senti uma pequena dorzinha na entradinha da minha buceta se abrindo para recebe aquele cacete tesudo e meu primo disse: “Senti bem gostoso a sua buceta se abrindo, para você relaxar mais, vem cá e fica beijando a minha boca enquanto você sente todo o meu pau entrando dentro de você”, a cabeça do cacete dele já estava todinha dentro de mim e nesse momento ele segurando o meu bumbum começamos a beijar bem gostoso na boca e fui descendo mais um pouquinho e disse para ele: “O seu pau é muito grosso, estou sentindo a minha buceta todinha aberta e estou sentindo uma dorzinha quando tento enfiar mais um pouco do seu pau dentro de mim”, ele logo disse: Â“É que neste ponto encontra-se o seu cabacinho que irá romper assim que você descer mais um pouco e com isso você irá perder a virgindade, a primeira penetração é assim mesmo”, aos poucos fui relaxando e logo que desci mais um pouco senti uma dorzinha na buceta e senti que o meu cabacinho havia rompido, com a dorzinha eu acabei recuando um pouco e ficando sá com a cabecinha do cacete dele dentro de mim e olhei para a minha buceta, vi que os lábios dela estavam super abertos, meu grelo todo para fora e o pau do meu primo tinha um pouco de sangue, eu disse: “O que houve? Seu pau está com sangue!”, ele respondeu: Â“É que o seu cabacinho rompeu e às vezes sai um pouco de sangue é super normal, não se preocupe!”, comecei a descer novamente e dessa vez olhando para minha buceta que a cada segundo ia engolindo cada vez mais o cacete do meu primo, até que senti o saco dele bater por trás do meu bumbum e vi que o pau dele já estava todinho dentro de mim, logo que vi falei com meu primo: “Seu cacete ta todinho dentro da minha buceta!”, ele me abraçou e ficamos beijando por uns 5 minutos, todo o tempo que ficamos beijando o cacete dele ficou bem enterrado dentro de mim, aí ele me pediu: “Agora você vai subindo e descendo no meu pau e vai sentindo ele bem gostoso entrando e saindo da sua buceta!”, antes de começar o vai e vem eu subi novamente e deixei sá a cabecinha do pau dele dentro de mim e logo desci mais rápido penetrando todo pau novamente dentro de mim e comecei a fazer o vai e vem, parecia que eu estava nas nuvens, sentir aquele pau delicioso entrando e saindo da minha buceta era como estar no paraíso, às vezes ia até a cabecinha e descia até enterrar todo o pau dentro de mim, ficamos assim por uns 19 minutos quando meu primo decidiu trocar de posição, ele me disse: “Tire todo o pau de dentro de você e deite na cama na posição como se eu fosse te chupar”, saí de cima do pau dele e vi que a camisinha estava cheia de sangue do meu cabacinho, ele tirou a camisinha que estava usando e me pediu para eu colocar outra nele que ele agora iria me comer deitada de pernas abertas e me disse que essa posição se chamava papai-mamãe ou frango assado, antes que eu deitasse na cama ele me pediu: “Coloque a camisinha no meu pau, sá que dessa vez você não vai colocar com a mão”, logo perguntei: “Como irei colocar?”, ele respondeu: “Você vai colocar com a boca!”, senti um tesão gostoso pelo corpo e ele foi me ensinando: “Coloque a camisinha nos lábios da sua boca, e quando eu colocar o meu pau nela, você vai engolindo o meu pau e vai desenrolando a camisinha com a língua em todo o meu pau”, fui fazendo como ele havia me ensinado, sá o finalzinho onde a minha boca não alcançou que eu tive que desenrolar com a mão, logo dei mais uma chupada no pau dele já com a camisinha toda colocada e fiquei na posição que ele havia me pedido, ele posicionou a cabeça na entrada da minha buceta e foi forçando a entrada do cacete na minha buceta, estava uma delicia sentir a minha buceta se abrindo novamente e engolindo pela segunda vez todo o pau delicioso do meu primo, como da primeira vez, ele enterrou o pau todinho na minha buceta e ficou beijando a minha boca por um bom tempo e me disse: “Agora eu vou comer bem gostoso a sua buceta até gozar dentro dela!”, e ele começou o vai e vem bem gostoso dentro da minha buceta, às vezes ele enterrava todo o pau dentro de mim e beijava de leve em minha boca dizendo: “A sua buceta é uma delícia e o meu pau está delirando dentro dela!”, e eu bem tarada e louca de tesão dizia: “A minha buceta está molhadinha e adorando engolir seu cacete delicioso, me come bem gostoso!”, e ele me penetrava bem fundo e me chamava de gostosa. Até o momento que ele enterrou todo o pau dentro de mim, beijou a minha boca e disse: “Vou gozar bem gostoso dentro de você, que buceta gostosa você tem Kiara, estou gozando!”, nesse momento eu contraí os músculos da minha buceta e fiquei sentindo as contrações do pau dele dentro de mim, foi simplesmente delicioso sentir pela primeira vez um cacete bem duro gozando dentro de mim. Ele ficou com o pau todo enterrado dentro de mim por uns 2 minutos e ficamos beijando e trocando carícias, até que eu perguntei: “A sua porra ficou toda naquele lugarzinho na ponta da camisinha?”, ele me respondeu: “Ficou sim, quer ver?”, logo disse: “Quero sim!”, ele tirou o pau de dentro de mim e me mostrou, fui me aproximando e coloquei a boca na cabecinha do pau dele, que ele logo disse: “Vai com cuidado, pois meu pau está super sensível!”, aos poucos fui engolindo o pau dele todo e sentindo um gosto diferente na camisinha e perguntei: “Esse gosto diferente na camisinha é da minha buceta?”, ele me respondeu: Â“É sim, está sentindo como ela é docinha?”, eu logo disse: “To sentindo sim, posso engolir a porra que está dentro da camisinha?”, ele me respondeu: “Pode, tire ela que eu vou despejar toda a porra na sua boca!”, logo que tirei a camisinha do pau dele, entreguei para ele e ele me pediu: “Deite aqui na cama e abra bem a boca que toda a porra que a sua buceta tirou do meu pau vai cair na sua boca”, deitei e fiquei com a boca bem aberta e ele deixando a porra da camisinha sair dela e despejar todinha na minha boca, era uma quantidade boa e fui engolindo aos poucos e no final ele me deu a camisinha para eu ainda lamber o fundinho da camisinha. Depois desse dia, sempre que nossa aula termina, sempre começamos fazendo oral, ele gosta de me chupar até eu gozar na boca dele, logo depois eu chupo o pau dele bem gostoso e ele fica o resto da tarde todinha comendo a minha buceta.



Bom pessoal, foi assim que meu primo tirou a minha virgindade e comeu bem gostoso a minha buceta. Se alguma garota ou mulher quiser trocar experiências e saber mais sobre mim me escrevam e se tiver alguma garota que tenha também iniciado a sua vida sexual com o primo, adoraria trocar mails. Anotem o meu mail e me escrevam: [email protected] - Beijos com carinho Kiara!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos comi a mulher negra do meu ajudanteo meu amigo quer me comer contos eróticosporno de marido bebedo em casa obricando a esposa a fazer sexo com eleamigo andre me comeu conto gaycoroa gorda velha umiha o marido fodendo com outrotia bate uma pro sobrinho contosincesto porno/encoxando minha mae no trem lotadocontoseroticos sem querecontos eroticos estupro da cegacontos tia preferidamulheres adoram ficar peladas cheio de manteiga no cuconto erotico tirei a calcinha da gatacasadas baxias di calsias na zoofiliaprimeira vez que fui chupada por um homem casado eu virgemcontos eroticos surubascontos eróticos de bebados e drogados gayschupando ate ela gozar na boleiaA loirinha punheteira contos eróticoscorno cu veado negao conto erotico esposa dedos no cu consolofilho tirando a calcinha da mãe . ...mas mesmocontos eroticos dei meu cu pra todosgreluda se masturbando com seu cão no quartocontos er peitinhos em formaçaointerando pica cunhadaContos fudendo menstruadacontos massagem na tiamulheres não aguentaram e deram para todos depois de churrascoo inquilini tarado conto gayconto noivo corno na sala porta abertaContos de cedezinhas sendi iniciadacontos eróticos gozando na filha pequenaempregada deu a bucetinha ao patrao sobre chantagemrelato erotico meu cachorro comia meu cuzinho quando meninacontos eróticos Eu e mamãe pelados em casacontos eróticos gays irmãosconto gay cinema pornô Recifecontos eroticos namorado da minha mearromba todo diawww.fotos piças de camioneirovideo porno safada falando obsenidadesminha esposa me contando os detalhesnegro pau grande gay bundudo de calsinhanem peitinho teen grita na pau do vocdzinhas contos reaisesposa na praia de nudismo passa lama contogordinha contando suas trepadas c ontoconto erótico "comeu meu marido "ruivinha do corpão da bunda grande caga no pau do irmãoViadinho o que sentiu depois que deo o cuzinho contos eroticos depois viciouputinha submissa do tiocontos eroticos minha sobrinha comi na minha camacontos eróticos pai iniciado filhacontos eróticos a gostosura de nossos pensamentoscontos de transando com o genro timidocacetudo me enrabou contosempregada fodida na marra.contoscontos eróticos gay vieu tio pelado no banhocontos eroticos garotas na escolaporno quente doido cara lasca buceta com cucontos eroticos maduras tias bundasporno home pau motruoso no cu de odro homehomem de calcinha enrabadozoofili a nimada travestiContos madrasta putacontos eroticos gozando no cu da coroaminha amiga me comeubuceta carnuda da tia contocontos eroticos so casadinhas e velhinhosvoyeur de esposa conto eroticofilme com historia de erotico de tiozinho taradaominha vizinha de camisetaconto cdzinharelato erotico cheirei a calcinha da sogracontos erotico chantageada no metroconto tirando sangue xota filhinhacontos eroticos gay meu tio de dezenove anos me enrabou dormindo quando eu tinha dez anosContos d uma mulher virgem amarrada no curral e estupradaCONTOSPORNO.nenémcontos erótico de velhas que adora ser chingadashistória verdadeira de sexo entre homens bi sexual no banheiro metrô trem ônibuscomtos erotico sou casada mas o marido ta preso to dan de masconto erotico emcochando um travesti e fudendo a força em onnibuschapuleta inchada no cuzinho xvidio.vagbuda.virgemconto erotico minha mim deixado de castigocontos eroticos homem casado dando para o primocontos comi minhas filhascontos eroticos de menina pobrecontos eróticos de bebados e drogados gaysconto erotico mulher fodendo com varios vizinhoscontos de coroa com novinhocontos eroticos meu vizinho me flagrou dando o cu pro meu cachorrocontos quis dar pra um travesticonto casada traindo com deficientepono. patrato. vudedo. a. tiada. nova