Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU, ROBERTO, CAVALO, CACHORRO E CHINELO: ORGIA!

Click to Download this video!

Olá para todos. Na época eu era um garoto de 19 anos, cabelos loiros, olhos verdes e super rodado! Já estava cansada daqueles cacetes grandes e grossos entrando no meu cu. Queria algo muito maior! Foi assim que cheguei à conclusão de que dupla penetração (dois no cu) é muito melhor, e é o que eu faço hoje em dia (mas isso é outra histária). Fui para a fazenda dos meus tios, não muito longe daqui de BH, que era linda. Muitos cavalos, cães, galinhas etc. Uma linda piscina, e outras coisas mais. Fui para a piscina me refrescar quando chegou meu tio e disse que todos iriam sair e que sá ficaria eu e o Roberto, o jardineiro, que não me incomodaria. Concordei, já pensando naquilo. Quando meu tio saiu, tirei a sunga e comecei uma deliciosa punheta! Que delicioso debaixo dÂ’água. Estava bem curtindo meu tesão quando o Roberto chegou. Apressei-me em colocar a sunga mas não deu tempo. Ele viu meu pau e na hora, vi que o caralho dele se arregalou. Rapidamente, vi que ele usava um chinelo Rider azul, mais gostoso que tudo! Ele falou: Olá. É você o sobrinho do seu João (nome fictício)? Falei: Sim, sou eu. Você é o jardineiro? Ele: Sim. Prazer em te conhecer. Nisso, ele foi embora, mas chamei-o de volta. Olhei pra ele, querendo ver o tamanho da benga, o chamei pra mais perto e abaixei suas calças. Que visão! Grande, grosso, com muitas veias saindo e uma cabeça enorme. Com uma mão, bati uma deliciosa punheta pra ele e com a outra, peguei o chinelo Rider dele, e comecei a esfregar no meu pau. Que delícia! Gozei gostoso com aquilo tudo! Saí da piscina sem a sunga e esfreguei meu cu no pau dele. Ele deu em pequeno gemido de tesão e eu fiquei louco com aquele mastro roçando a portinha! Com isso, acho que o cachorro da fazenda, o Bob (muito bonito por sinal) sentiu o cheiro do meu grelhinho e foi chegando perto. Começou a cheirar e a lamber o pau do Roberto e meu cuzinho. Nisso vi que o pau do cachorro foi crescendo mais e mais, quando ele deitou na beira da piscina e ficou olhando para nás. Ajoelhei-me junto com o Roberto e ficamos ali tocando uma punheta pro cachorro, já que o Roberto era meio gay. Ele começou a lamber o mastro do cachorro, e começou a surgir o ná no pau do cachorro. Logo o Bob começou a gozar na cara do Roberto. Vendo aquilo, senti que estava ficando tão excitado que já tava d pau duro de novo. Falei pro Roberto colocar tudo no cu. Rapidamente agiu e quando vi já estava com o pau dele todo estocado! Fiquei de quatro e chamei o Bob. Logo, viu que era o que estava pensando e começou a montar na minha bunda! Dei uma ajuda, guiando o mastro do cão, que não acertava, mas consegui fazer com que o pau acertasse meu cu. Dei um forte gemido, já que ele estocou de uma vez, até o saco dele. Nisso ficamos uns 19 minutos, o cachorro me arrebentando, o Roberto enfiando na minha borga e eu lambendo o Rider do Roberto! Que delicia! Gozei + uma vez sá naquilo! Nisso, paramos com tudo e o Roberto me perguntou se eu queria ver um pau de verdade, grande, melado e gostoso. Pediu para esperar e trouxe um lindo cavalo branco, que parou perto de onde a gente estava. O Roberto começou a roçar as bolas do cavalo e aquele grande pau se arregalava na minha frente! Era tudo o que eu precisava e era como o Roberto falou: grande, branco e melado. Corri, com o Rider do Roberto nos pés e comecei a chupar o cavalo, num boquete delicioso. Pedi pro Roberto raspar o Rider no meu pau e enfiar o pau dele no meu cu. O cavalo gozou deliciosamente na minha boca, fazendo com que eu soltasse um gemido de tesão. Eu gozei muito com o Rider no pau. Quando paramos, o celular tocou. Eram meus tios, avisando que era pra eu ficar sossegado, pois eles tiveram problemas e não voltariam pra fazenda naquele dia. Quase pulei de felicidade! O Roberto, que era pra ir embora às seis horas, ficou na fazenda. Quando desliguei o celular, voltei pra orgia e estoquei bem fundo o grande caralho do cavalo, me fazendo gritar de tesão. Comecei um delicioso boquete no Roberto, que já raspava o Rider no meu pau d novo, e bati muitas punhetas pro Bob. Ficamos a noite inteira naquela suruba! Eu, o Roberto, o cavalo, o cachorro e o Rider! Nunca gozei tanto quanto naquela noite! E outra: essa suruba foi super educativa. Eu não sabia que cavalos gozavam tanto em menos de 19 minutos! !!! No final, umas 2 horas da manhã (com pausas, claro), minha cara estava completamente encharcada de 3 tipos de porra diferentes, o Roberto estava quase dormindo sentado, o cavalo e o cachorro foram dormir e os Rider estavam cobertos de porra também.

Bom, fomos todos dormir, depois de um bom banho, logicamente. Dormi super bem, apesar das dores no cu. No outro dia, acordei com o celular tocando. Eram meus tios, perguntando se eu passei bem a noite e perguntando também se eu queria que eles fossem me buscar, pois não iriam na fazenda naquele dia de novo. Falei que não, pois tava precisando “descansar”. Era uma tranquilidade! Mais um dia sozinho na fazenda! Que sonho. Levantei-me, calcei o chinelo e fui fazer um café. Chamei o Roberto, que dormiu comigo, para irmos nadar. Ele falou que ia dormir mais uma meia hora. Fiquei na cozinha tomando meu café quando vi o Bob e o cavalo num curral que dava pra ver da janela. Quando o Bob me viu, veio correndo e entrou na cozinha e começou a pular e brincar. Fiz um agrado nele e como estava me lembrando da noite anterior, me agachei e deitei o Bob na minha frente e comecei uma punhetinha pra ele. Ainda não tinha nada pra fora. Demorou um tempo pra aparecer. Quando apareceu a pontinha, dei uma gostosa lambida e o mastro saiu da toca. Muito grande e melado. Continuei no boquete até que ele gozou, enchendo minha cara de porra. Peguei um pouco da porra do Bob e levei pro Roberto, pra tentar acorda-lo. Peguei minha mão, cheia de porra, e passei perto do nariz dele. Ele sentiu o cheiro e deu uma piscadela e um sorriso. Rapidamente pegou minha mão e esfregou na sua cara inteira. Fiquei doido de tesão com aquilo. O cacete do Roberto se arregalou com aquilo, quando o Bob chegou. Ele chamou o Bob pra cima da cama, tirou o cobertor e ficou de quatro, rebolando para o Bob. Ele subiu na cama, rapidinho e já foi montando no cu do Roberto. Fiquei pasma com aquilo. Achei legal um homem e um cachorro. Entrei em baixo do Roberto e enfiei o cacete dele na minha boca. Que delícia. Roberto pediu pra parar tudo, porque estava faltando uma peça fundamental. O cavalo. Fomos todos pra área da piscina e começamos tudo de novo. Bob socando no cu do Roberto, Roberto socando no meu cu. Eu e Roberto batendo uma gulosa pro cavalo. Sinceramente! Que coisa maravilhosa! O cavalo gozou muito na gente, espalhando porra pra tudo quanto é lado. Roberto, depois do banho de porra, gozou muito no meu cuzinho, ao mesmo tempo em que eu gozava com ele. Roberto tirou o pau do meu cu e tirou o pau do Bob do cu dele, que por sinal, Bob gozou dentro e estava aquele buraco, cheio de porra saindo. Não perdi tempo. Chamei o Roberto e comecei a enfiar os dedos no cu dele. Parei e enfiei o pau do cavalo no cu dele. Entrou facilmente. Roberto ficou algum tempo naquilo. O cavalo gozou de novo no cu dele, encharcando tudo e fazendo Roberto gritar de tesão enquanto lambia e esfregava o Rider no pau dele.

Dps disso, continuamos + um pouco... mas tivemos que parar... meus tios chegaram depois... e não aguentávamos mais neh...

Bom, tchau! Vou gozar mais um pouco com meu Rider!

Caso alguém também tenha tesão por Rider, mande um e-mail pra mim: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


de moto morena arreganha a perlna mostrando tudorelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhasx video.com madrasta me mandou eu lamber o seu cuzinhoContos eróticos irmã peludaMARIDO PÉ DE MESA CONTOS EROTICOS VERDADEcontos de metendo em uma peluda ruivacomia mae contoscontos de cú por dinheirocontos erótico menininha na formatura contos eclxado a tia de sainhavai me arrombarcontos com fotos travesti xexo com a mae da sua amigacontos picantes de lambida na chanaconto gay machos fudendo o rabinho do filho de um anomaridinho chupou minha bucetacontos eu era virgem edei pro travesti bem dotadocontos eroticos primeiro cucontos eróticos peguei a calcinha da minha mulher no poço do meu amigoconto peguei no bulto do amigocontos sadomasoquista extremotransando a sobrinha em pleno sono profundocontos eróticos ele colocou o vibrador na potência máxima na minha bucetacontos eróticos lado solteira e sua filhinhaconto damdo p o comedorcontos eroticos comendo a helena empregadacontos eróticos comi minha funcionaria no provadorcontos esfregando o pau na bundaconto erotico cadei e virei mulher e escrava ds minha esposapintao d meu filho conto eroticconto erotico de o amigo de meu namorado me comeu na casa dele e ele nao viucontos putaria de crentesxontps exotico viegwm fedidagarotinha contoscontos transei com velha e buçetudavídeo pornô com travesti travesti transando com a outra por amor todinho raiva da outraContos mulher coloca silicone e vira putahttp://zoofilia deixei o dog meter na minha filha.contoscontos submissa para pagar dividascontos eroticos gays excitantescache:a5veIybm53wJ:studio-vodevil.ru/conto-categoria_4_68_incesto.html Conto erotico vizinha bobinhatransei com vizinnha contos eroticoscontos eroticos real a primeira vez q gozeiConto erotico meu cachorro taradocontos sexo minhas meninas do sitiocontos sobrinho negroroludocontos eroticos com a diretora da escolacontos sadomasoquista extremocontos eróticos de bebados e drogados gaysContos minha esposa com velhinhoscontos eróticos minha esposa benzido pelo pai de santocontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigoconto emprestei meu marido para minha vizinha casada e carentecontos eróticos levando na piscinacontos eróticos de lésbicas tirando a virgindade das outrasconto erotico crente negra velhajame fode sobriha afordacontos exoticos comi minh minha irma detalhsogro saradoEncoxada e enrrabada pelo roludo contopai vai no quarto da sua filha ela com short colado no pique e come a b***** dela XVídeoscontos eroticos -FILHA tarada pelo Paicoroa deito e pediu pa enfia devagarsinho nu.seu.cuContos de mulher no pau do jumentoContos domesticas casadas enrabada pela patroa com vibradorvi minha tia nua contoscontos saia sem calcinha escada engoli porratiraram a roupa da esposa contocontos eróticos de professoras gostosas transando gostosoconto conto erótico e história comendo a mulher do meu amigo analmehlores contos eroticos orgamos com paicontos exitantes de sexo na marrra delicioso historias reaissou putinha mesmoLora dismaiando no cu no anal em tres minutosConto erotico netinha pedi pra o avo deita e esquentalo www.filha caçula da cu pro pai pauzudoputinha submissa do tiojapa enfia o dedo no seu cu virgemcasa dos contos erotica me doparamContos eróticos transei com a mãe casada do meu melhor amigoela pegou no pinto dele na marra mais ele gozoucontos bolinadas no parquesou casada mais meu maridinho nao gosta de fuder contocaminhoneiro goza na pura pornodoidocontos relatados por mulheres que foram abusada e acabaram gozandocusudalesbicaAgarrando o pênis com tesãodei pro japones contocontos eroticos fudendo a mae travestimeu corninho deixou fuder com outro ainda me ajudou chupar a picona do meu machocontos eróticos com tia perdendo apostaBebendo porra do filhinho contoseroticosaii tá me arrombando- contos eróticosgarotinha contos eróticoso meu padrasto me arrastou pro matagal contosmulheres peladas encostada no pe de cocodei pros amiguinhos do meu filho contos eróticos